COMPARTILHAR

A Anac liberou a operação do Boeing 737 Max no Brasil. A notícia é importantíssima para a Gol, única a operar no modelo em território nacional.

A Gol tem hoje sete unidades do modelo na sua frota. Quando as entregas forem retomadas, a expectativa é que entre dez e 14 novos aviões estejam prontos na fábrica da Boeing para serem entregues à Gol.

Nos próximos dias, como um dos requisitos exigidos antes da retomada ao serviço do Boeing 737 MAX, serão realizados voos técnicos sem passageiros pela Gol, que serão acompanhados pela Anac e pela fabricante.

“Por deliberação própria e em linha com sua cultura de excelência em Segurança, a Gol optou por exceder aos requisitos regulatórios, realizando múltiplos voos técnicos adicionais ao recomendado, o que reforça o cuidado com a qualidade do processo de retorno das aeronaves à operação”, destacou a companhia em nota enviada à imprensa.

O presidente da Gol, Paulo Kakinoff, afirmou que espera que o Boeing 737 Max volte a voar no Brasil e no mundo até o final deste ano.

Comentários via Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here